terça-feira, 21 de julho de 2009

Alívio de meu corpo


Me empresta as tuas asas; eu também quero voar. O céu não pertence só aos anjos; meu coração teima em pertencer só a você. Às vezes me pego de olhos fechados lembrando o doce sussurrar de sua voz próxima ao meu ouvido; meu braço dá sinal de arrepio e por instantes sinto teu corpo tocando o meu.
Lembro dos sorrisos, da incrível combinação dos nossos lábios.. dos longos abraços acompanhados de conforto. Lembro da sensação de me sentir a salvo nos teus braços. Ainda vejo teus passos pela minha sala, sinto teu cheiro na minha roupa e em certos momentos teu ouço me chamar com aquele apelido carinhoso que usava. Me viro tomado por uma ansiosa loucura... mas não vejo nada além dos meus velhos móveis.
Se não existisse felicidade eu diria que nós a inventamos, pois cada dia juntos era uma dose de perfeição, eramos crianças vivendo na terra do nunca, voando pra lá e pra cá, tocando nuvens, contando estrelas... Fazíamos surpresas um para o outro, aparecíamos de repente e adorávamos aquilo! Pela manhã quem saísse primeiro deixava bilhetinhos pela casa e o outro acordava e ia procurar ansioso rs. Mesmo fazendo isso direto sempre tínhamos novas palavras para expressar o nosso amor.
Meus Deus, como era bom te amar... chega a me dar um nó na garganta.
Como eu queria que você estivesse aqui do meu lado para deitar no teu colo e sentir aquele alívio, alívio que meu corpo nunca mais sentiu.
Nos amamos com todas as forças que um amor é capaz de ter. Fizemos das lágrimas os mais belos sorrisos e provamos que mesmo em silêncio é possível se dizer eu te amo. Mesmo assim pelo tempo fomos vencidos, nossos abraços ficaram frios e cada beijo foi perdendo o seu sabor.
O destino não nos permitiu seguir em frente.. talvez tenha sido melhor assim ou talvez não. Nunca saberemos como teria sido nossa vida juntos, nossos filhos..
Mas tudo valeu a pena. Cada minuto, segundo.. cada abraço, cada sorriso..
Só queria dizer que você foi o melhor amor que vivi em toda a minha vida.
E eu daria tudo para viver isso novamente.

12 comentários:

Talita disse...

Tobias...que lindo isso que vc escreveu,nossa a cada texto seu meu encanto mais ainda..Parabéns...seus textos são lindos..

beijos

Gabriela Castro disse...

Belas palavras!
beijos

Jana disse...

Aceitei o convite...dancei o balé e chorei de alegria, pela descoberta, e de saudade, pelo que li...

Estou aqui para dizer que vim pra ficar!!!

adorei esse cantinho da tua alma...

bj

sueli aduan disse...

Lindo texto, quanta sensibilidade.
Parabésn.
e lá no blog "Tempus" continua a história ,é so brincar.
abs

Thiago Maia disse...

Moço, sentimentos à flor da pele heim... Senti um amor nessa intensidade a pouco tempo... Infelizmente nem deu certo também, mas acho que foi o melhor dos melhores que tive. Mas nem me lamento, sabe... Vai que tenha sido melhor, tive oportunidade de conhecer outras pessoas, outros lugares... Enfim, temos que viver o agora, retirar o que foi aprendizado e bola pra frente que atrás vem gente.

Te adicionei aos meus favoritos
e estou seguindo seu blog.

ABRAÇÃO

Tobias Silser disse...

Obrigado a todos!
Jana, fique à vontade, pois já estou bem à vontade la no "Textos Inteligentes" rs!

Sueli, vou virar participante fiel la no Tempus rs.

Thiago, e as mulheres ainda dizem que nós homens somos insensíveis rs. Exatamente como você falou, bola pra frente. O bom é que a vida é uma constante.
Abraço cara!

Fernanda. disse...

Uau, que texto rapaz! Que mulher não gostaria de ter um texto assim, oferecido todinho só pra ela? Que bom que decidiu passar os seus 'rabiscos' para um blog [foi assim comigo também].. permitiu que os outros se deliciem com tanta doçura e sentimentos. Já sou sua seguidora fiel! :)

Sabe... tens sorte de ter amado verdadeiramente. Algumas pessoas morrem sem ter tido esse privilégio. Amores verdadeiros, não se acabam... se transformam nisso: lembranças gostosa, vontade de quero mais. Acredite, se o tempo se encarregou de deixá-lo um pouco frio... foi melhor esse 'fim', sempre é melhor que acabe assim, sem perder a beleza e o encanto de se querer de novo a presença. Tenha certeza que foi melhor! Mas não se prenda, permita amar novamente... e quem sabe, dessa vez, você saberá como será a vida, os filhos... :)

Quero um amor desses pra mim. Um dia ele vai aparecer, enquanto isso... eu vivo!

Beijão e obrigada pela visita.
ps: desculpa por ter escrito tanto. As vezes não me controlo. SOU TAGARELA MESMO. Mulheres.... :x

Fran disse...

Muito lindo o que você escrevei ai...
O blog todo é muito lindo!
Você está de parabéns moço *-*
É maravilhoso amar de verdade alguém, quando mesmo longe sentimos a pessoa do nosso lado, chegamos a ouvir a voz...
Mas tudo issi só é bom quando ainda existe amor das duas partes, caso contrário a gente sofre muito até esquecer.
E a parte do 'nunca saberemos como seria se tivéssemos ficado juntos', moço...isso me tocou láno fundo do coração hein, nem te conto o porquê :D
Mais uma vez, parabéns!
Tô seguindo seu blog jah =D

Beeijão!

Cáh disse...

Meu Deus....



Agradeço imensamente sua visita e o prazer de conhecer este blog....

já sou mais que sua seguidora!!



Um grande beijo e parabens pelas belissimas palavras!

Alinemara disse...

Nossa to boquiaberta com o seu dom de escrever palavras lindas que tocam fundo no nosso ser bjus
ADOREI SEUS TEXTOS

Menina Misteriosa disse...

Estou conhecendo seu blog e gostando muito!
Este texto é fantástico... cheio de emoção!
Parabéns!
Beijos

Luiza Prado disse...

Vc é quase um saramago hahahahaha